Sign In

Embaixadores

Análise das fotos não premiadas
Bruno Roas

Bruno Roas

ROUND EXTRA: Preto & Branco

FOTO 1:

FOTO ORIGINAL

FOTO REEDITADA

Essa é uma imagem interessante, um momento bem descontraído entre convidados e noivos que o(a) fotógrafo(a) estava muito bem posicionado para captar. Nesse caso podemos dar um pouco mais de atenção a edição nos seguintes pontos: cuidando das partes brancas que ficaram muito “estouradas” (da forma como foi editada perdeu bastante textura, principalmente no vestido da noiva e camisa do noivo), além disso é aconselhável esconder tudo que tira o nosso olhar do motivo ou mensagem principal, tudo isso de forma caprichada, aquele globo da estrutura do Dj poderia ser facilmente removido no pós click, tenho certeza que essa imagem sem essa distração também a tornaria mais forte!

 

FOTO 2:

FOTO ORIGINAL

FOTO REEDITADA

 

No que pensamos quando construimos uma imagem? Pode ser na mensagem e sensação que a mesma vai transmitir, a partir daí podemos pensar na luz, direção, elementos de composição e etc (não obrigatoriamente nesta ordem), que vão nos ajudar a alcançarmos esses objetivos. Sabemos que fotógrafos adoram uma “luzinha” hehe. Nessa imagem em questão, tais “luzinhas” criam um triangulo que serve como um aconchego/casa para o casal, eles poderiam ter sido melhor encaixados ao centro do triângulo, dando ênfase a composição da imagem. Seguindo a máxima de “menos é mais”, pode-se tirar os raminhos nas laterais do casal, que trouxeram um ruído desnecessário, acho que não acrescentou para o motivo ou para mensagem. Também podemos pensar um pouco mais na direção do casal para torná-la mais interessante, por exemplo: reposicionando o braço direito da moça que está em volta do rapaz e colocando na cintura dele, já nos traria um contorno mais definido dos dois para essa silhueta. Para uma boa silhueta, é preciso ter bastante atenção aos contornos e a imagem final que a silhueta esta gerando ao fundir o casal como algo único.

 

FOTO 3:

Fotos em plantação de trigo é sempre uma possibilidade de imagens belíssimas. Essa em questão, nos traz uma composição muito interessante, a minha sensação é que o casal esta numa espécie de “ninho”, acredito que um toque de direção mais aconchegante, com um voltado para o outro (pq o casal não parece estar confortável) nos traria um “calor” a mais na imagem, principalmente dando mais atenção as mãos do casal, fariam a mesma ficar muito mais gostosa de olhar.

 

FOTO 4:

FOTO ORIGINAL

FOTO REEDITADA

Essa foto me trouxe uma questão e uma resposta, vamos a elas: Pensamos no P/B na hora do click? Quase sempre pensamos depois, é fato que passamos a usar uma foto em P/B por inúmeros motivos, sensação, distração, sentimento, etc. Acredito que essa imagem em especifico não foi pensada para o P/B, assim como muitas outras que fizemos ou faremos na vida, se fosse “pensada” antes, os noivos estariam em posições invertidas para termos um contraste, criando destaque para os dois (o noivo de terno escuro na parte clara da imagem e a noiva de vestido claro na parte mais escura), pois ao primeiro olhar, o noivo está quase imperceptível, justamente pela falta de contraste entre o terno e a área em que está posicionado. O ideal seria tentar corrigir isso criando a sensação deste contraste na pós edição, “clareando” o local do noivo e “escurecendo” a região em que a noiva está posicionada.
Um outro ponto de melhoria para a imagem, se tratando do tema “casamento”, seria pensar no direcionamento do noivo para com a noiva, evitando essa sensação de abandono, ele caminhando na direção dela já contaria uma outra história. A dica final seria um corte que oriente o olhar do espectador, pois o próprio piso já cria uma linha em direção a noiva, unindo a isso a direção do noivo, tornaria essa imagem mais forte.

 

FOTO 5:

Gosto da perspectiva em que essa imagem foi criada, bem como as linhas que de alguma forma impulsionam o nosso olhar para os noivos e também da inclusão do carro, que deve ter um valor sentimental para o casal, pontos para o(a) fotógrafo(a) nesses quesitos. Ao mesmo tempo, fiquei pensando na sensação que as mesmas linhas, acrescentadas a posição do carro (de frente para o casal deitado no asfalto) me trouxeram. Talvez o carro posicionado paralelamente ao casal, ou até mesmo de portas abertas com a traseira voltada pra eles, aliados a uma direção do casal mais apurada, aliviaria essa sensação de “atropelamento” que esse braço aberto da moça traz ainda mais em evidencia. Se tiver a oportunidade tente essa foto novamente, existem muito pontos forte na mesma!!!

 

1º ROUND 2022

FOTO 1:

Fotografias com momentos de forte emoção geralmente agradam a qualquer espectador, desde aos noivos e convidados à jurados em concursos. Na imagem em questão temos um momento com forte potencial, mas que precisa de alguns cuidados. No momento da captura desta imagem, um passinho a esquerda já mostraria melhor ambos os rostos (a expressão da noiva nem aparece na foto), um leve agachamento mostraria melhor o rosto do noivo. Na hora de cortar a imagem, podemos cortar as pessoas que não estão interagindo com o momento em questão. Pra finalizar uma boa foto também é preciso ter um cuidado com a edição, um tratamento mais contrastado que devolva a imagem os volumes e contornos adequados, pois na atual edição percebemos tudo muito acinzentado.

 

FOTO 2:

O emolduramento torna essa foto interessante, mas nesse caso em especifico devemos perceber a expressão “morna” do casal, fazendo a foto perder força, acredito que se o autor(a) da foto tivesse se erguido um pouco a camera ao ponto de encaixar o que parece ser as asas de um anjo as costas do noivo dando certa dualidade e apostando num foco cruzado na imagem do Cristo ao fundo com uma grande profundidade de campo, seria uma imagem muito mais forte.

 

FOTO 3:

Essa foto me fez pensar (mais uma vez) em: por que/quando usar o P/B numa foto? Nessa imagem em especifico, por que o autor(a) optou em trazê-la pra P/B e tirou uma das principais características da fruta, que é justamente a cor da mesma? De repente essa imagem teria uma mensagem mais interessante e com mais sentido trazendo as cores, pois o vermelho é muito estimulante e nos traz várias sensações e emoções como, calor, energia, amor, etc.

 

FOTO 4:

FOTO ORIGINAL

FOTO REEDITADA

É impossível passar por esta cena do cachorro mordendo o menininho e não achar graça disso. Momentos inusitados sempre se destacam entre cenas repetidas comumente em casamentos. Parabéns ao fotógrafo por não perder o momento, mesmo que a cena não se apresente no ponto que desejamos, isso é imprevisível e não se pode pedir pro cachorro repetir e morder o menino na entrada de luz da porta, né? A nossa parte é registrar e oferecer o melhor tratamento ao registro, direcionando a luz para a mensagem principal e dando um corte mais adequado.

 

FOTO 5:

FOTO ORIGINAL

FOTO REEDITADA

Gosto muito dessa foto, porém gostaria de ressaltar algumas observações que poderiam deixá-la ainda melhor: As cores, contornos e a direção da silhueta me agradam muito, mas a parte clara da imagem chama muito a atenção, fazendo o olhar ser deslocado pra lá quase que o tempo todo. Talvez um crop traria muito mais a atenção para o casal, o deixando mais em evidencia.

Deixe um comentário

PortugueseEnglishSpanish